Posto em Goiânia vai contra alinhamento de preço e vende combustível mais barato

O estabelecimento oferece o litro cerca de R$ 0,30 centavos mais baixo que os concorrentes

Por Redator 15/11/2017 - 12:07 hs
Foto: Curtamais

O alinhamento de preços praticado pelos postos de combustíveis de Goiânia, confirmado pelo Procon Goiás e investigado pela Delegacia do Consumidor (Decon), pode ter como maior rival um estabelecimento do próprio segmento. O Posto Atacadão da Avenida Goiás Norte, no Setor Urias Magalhães decidiu enfrentar a própria categoria e até ontem (14/11) vendia o litro da gasolina por R$ 4,23 contra os R$ 4,49 que o consumidor goianiense encontra em praticamente todos os postos da capital. Uma diferenaça de quase R$ 0,30 centavos por litro.

O Etanol e Diesel também estavam mais baixos que a média dos concorrentes. Mesmo com filas, muitos consumidores tem optado pelo local até mesmo para fazer uma espécie de boicote aos outros estabelecimentos que insistem em vender o produto pelo mesmo preço.

Esta semana, alguns postos não conseguiram renovar o estoque por falta de clientes e o combustível começou a faltar em alguns endereços da cidade após protestos de motoristas. A gasolina em Goiânia já é a mais cara do país, segundo o Procon.

Nos postos de combustíveis em cidades próximas à região metropolitana de Goiânia, o litro pode ser encontrado a até 40 centavos mais barato. De acordo com a categoria, isso acontece devido ao custo operacional mais baixo nos estabelecimentos de periferia e saídas de rodovia.

Fonte: Curtamais